Tudo o que você precisar saber sobre reposição hormonal masculina

A reposição hormonal masculina é uma opção de tratamento para problemas relacionados à queda hormonal nos homens

home | artigos | reposicao-hormonal-masculina

July 30, 2021

A reposição hormonal masculina é uma opção de tratamento para andropausa, também conhecida como menopausa masculina, uma alteração hormonal, se caracterizando pela baixa produção de testoterona, causando a diminuição da libido, irritação e ganho de peso.

A alteração hormonal, normalmente é percebida na presença dos 30 anos, quando se começa a sentir a baixa testosterona no organismo, quando não se é necessário começar o uso da testosterona manipulada. A reposição é indicada aos 40 anos e caso os sintomas sejas apresentados, trazendo desconforto.

Por isso, é muito importante passar com um urologista para realizar os exames de sangue, indicando o nível da testosterona, indicando se é necessário começar o tratamento com manipulados ou não.

Veja também: Desempenho masculino saiba como melhorar a partir de produtos naturais  

Sintomas

Dentre os sintomas que indicam a queda drástica da produção hormonal, podemos citar os mais comuns:

  • Mudanças de humor
  • Irritabilidade
  • Dificuldade de concentração
  • Falta de interesse sexual
  • Alteração no desempenho sexual, como falta de ereção
  • Diminuição das atividades intelectuais
  • Lapsos de memória
  • Desorientação espacial
  • Redução dos pêlos corporais

Esses sintomas acompanhados de idade superior a 40 anos são indícios da necessidade de iniciar a reposição hormonal masculina.

Assim, como a mulher, o homem deve realizar consultas periódicas ao médico, no caso dos homens, o médico especialista é o urologista.

Somente esse profissional poderá avaliar os níveis hormonais, pedir os exames necessários, e, assim, avaliar cada caso, analisando os exames e as queixas do paciente, o melhor tratamento é encontrado.

Fatores que influenciam na queda da testosterona

Existem muitos fatores que podem influenciar na deficiência da produção de testosterona, como:

  • Excesso de atividades físicas
  • Uso de anabolizantes inapropriados
  • Fumar
  • Consumir bebidas alcoólicas
  • Doenças autoimunes
  • Doenças cardíacas
  • Tratamento contra o câncer
  • HIV
  • Momentos estressantes
  • Andropausa
  • Idade acima de 50 anos

Com isso, o processo de reposição hormonal masculina deve ser feito com o acompanhamento de um médico e conforme a necessidade específica de cada pessoa.

É muito importante descobrir o que está interferindo nas taxas de hormônios, principalmente o da testosterona, para que o tratamento eficaz seja feito.

Quando iniciar o tratamento?

A andropausa e outras alterações hormonais são mais comuns entre a faixa etária de 45 a 55 anos. Portanto, assim que sentir algum incômodo, como os sintomas citados acima, o homem deve procurar o médico urologista.

Quando antes o tratamento for iniciado, melhores são os resultados.

Uma forma de prevenir a andropausa é, quando ainda jovem, ter uma alimentação saudável e praticar regularmente exercícios físicos.

Assim, o início do tratamento é determinado pelo médico, cabendo ao homem ter uma rotina de cuidados, e não deixando para a última hora procurar ajuda médica.

Opções de tratamento

O tratamento para andropausa e quedas hormonais pode ser realizado a partir da aplicação do uso de adesivos cutâneos e de injeções de hormônios, a exemplo da testosterona injetável, como Cipionato de Testosterona.

Ou com Undecilato de Testosterona, que proporciona uma melhor adesão ao tratamento e níveis séricos de testosterona dentro do patamar fisiológico, dentre outras vantagens.

Quanto tempo a reposição hormonal masculina leva para fazer efeito?

O tempo da reposição hormonal masculina pode variar para cada tratamento, a aplicação por injecção, por exemplo, pode variar de 12 dias a 90 dias.

Contudo, nenhuma ação é imediata, pois trata-se de um tratamento contínuo que quando necessário deve ser feito para o resto da vida.

Dessa forma, se você está com alguma disfunção hormonal, consulte um médico e identifique qual fator está causando essa comorbidade e inicie um tratamento conforme a sua necessidade.

Como é feito o diagnóstico?

O diagnóstico para avaliar qual é a necessidade da reposição hormonal masculina, e a real situação do paciente, é feito de maneira simples por exames laboratoriais de sangue ou de saliva.

Nesses exames é avaliado as taxas hormonais, principalmente a taxa do hormônio testosterona.

O exame será levado ao médico, que avaliará as taxas e indicará o tratamento mais adequado a ser feito.

Manipulados para a reposição hormonal masculina

Existem soluções naturais que podem ser manipuladas para melhorar a reposição hormonal masculina, com isso vamos citar a seguir alguns manipulados que podem ajudar neste processo de reposição.

Entre as fórmulas está o Tribulus Terrestris, conhecido também como o famoso viagra.

Possui ação que pode ajudar na produção de testosterona e no desempenho sexual. Se você quer saber mais sobre essa fórmula, clique aqui.

O manipulado em cápsula de Catuaba também pode ser um excelente fator para quem sofre com impotência sexual masculina, ajudando a aumentar a libido, prolongar a ereção e melhorar a circulação sanguínea.

O Açafrão ajuda a melhorar o desempenho sexual, além de agir como antioxidante, prevenindo contra doenças, assim como o câncer de próstata.

Essas são algumas das composições que podem ajudar.

Contudo, todo caso deve ser avaliado por um médico urologista para que um tratamento eficaz seja feito.

Nunca faça um tratamento por conta própria, isso pode complicar o quadro de saúde. Sempre procure ajuda médica.

Tem efeito colateral?

Uma dúvida frequente é quanto aos efeitos colaterais ao uso da reposição hormonal, principalmente de testosterona.

As principais perguntas feitas são:

A reposição hormonal com testosterona aumenta os riscos de câncer de próstata?

Não, isso é um mito. Mas, o tratamento não é indicado para aqueles que foram diagnosticados com câncer.

Quem já teve câncer de próstata pode fazer a reposição hormonal?

Cada caso é individual e deve ser analisado dessa forma.

Assim, em casos de exceção, pode ser feita a reposição. Mas, quem vai avaliar isso é o médico.

A reposição aumenta as chances de infarto?

Não. Estudos não apresentam essa relação, inclusive a reposição hormonal quando feita de forma adequada protege de doenças cardiovasculares.

A reposição pode causar infertilidade?

Sim. Mas, é uma condição que, na maioria dos casos, é revertida após o fim do tratamento.

A consulta com um médico especialista é indispensável, assim, converse com seu médico e esclareça qualquer dúvida.

Por que fazer o tratamento? Saiba os benefícios da reposição hormonal

Apesar dos efeitos colaterais, o tratamento é positivo em muitos pontos, sendo muito mais benéfico do que a ausência do tratamento.

Se as taxas de hormônios estão baixas, o indicado é o tratamento, para que a qualidade de vida aumente.

Dentre os benefícios podemos citar:

-Melhora no humor

-Maior disposição

-Proteção óssea

-Diminuição da massa de gordura

-Aumento do ganho de massa magra (as quedas na testosterona causam diminuição da massa magra)

-Melhora no desempenho sexual

-Aumento da libido

Está precisando de uma fórmula manipulada?

Então aproveite e faça a sua cotação sobre os melhores preços e com as farmácias de manipulação da sua região.

Para facilitar a sua vida e o seu tratamento médico, a Manipulaê conecta você com os laboratórios de manipulação que são regularizados pela Anvisa.

Para iniciar a sua cotação, basta acessar a nossa plataforma, clique aqui. Adicione a sua receita para cotar e preencher os dados necessários.

Em um curto período, vamos apresentar até duas propostas de farmácias, nas quais poderá analisar e verificar qual atende melhor às suas expectativas.

Quer saber mais? Acesse: https://web.manipulae.com.br/

Mais artigos

Loratadina para tosse seca: o que é e para que serve

A Loratadina é um princípio ativo muito utilizado para tratamento de diversos sintomas relacionados a alergia, como a rinite alérgica, que podem causar tosses secas, por diversos fatores externos no nosso dia a dia.

Vanessa Luisa P.P Sollitari

Vantagens dos medicamentos para animais

Os medicamentos para animais estão cada vez mais populares no mundo pet, por ter diversos benefícios para o seu animal de estimação, possuindo resultados eficazes de maneira mais rápida e personalizada.

Vanessa Luisa P.P Sollitari

Prescrição farmacêutica: como funciona nas farmácias de manipulação

A prescrição farmacêutica é uma habilidade constituída por um farmacêutico que seleciona e documenta terapias, intervenções relativas ao cuidado à saúde do paciente, sempre visando a promoção, proteção e recuperação da saúde do paciente, prevenindo doenças e problemas de saúde.

Vanessa Luisa P.P Sollitari

Envie sua receita de manipulados!
Encontramos os melhores preços para você!