Covid-19: Quais os grupos de risco e porque atenção deve ser redobrada

Conheça quais são os grupos de pessoas que podem sofrer mais com o Coronavírus e o que fazer para protegê-las

home | artigos | grupos-de-risco

March 26, 2020
Imagem Blog

Os idosos e pacientes de doenças crônicas representam o público que causa maior preocupação com a pandemia do novo coronavírus (Covid-19). Isso porque a baixa imunidade faz dessas pessoas mais vulneráveis à ação do vírus e a complicações decorrentes dele, como síndromes respiratórias agudas graves.

Estudo do Centro para a Prevenção e Combate a Doenças da China analisou casos no país, tomando exemplos do mês de fevereiro, e identificou que a taxa de mortalidade avança conforme a idade.

Os números relacionados aos grupos de riscos

Enquanto entre , entre 50 e 59 fica em 1,3%, entre 60 e 69 vai para 3,6%, entre 70 e 79 anos sobe para 8% e acima dos 80 chega a 14,8%.

  • 0 e 49 anos: menos de 1%;
  • 50 a 59 anos: 1,3%;
  • 60 a 69 anos: 3,6%;
  • 70 a 79 anos: 8%;
  • Acima dos 80 anos: 14,8%.

Além dos idosos, pessoas com as seguintes doenças crônicas também estão dentro do grupo de risco:

  • Diabéticos;
  • Hipertensos;
  • Pessoas com problemas no coração;
  • Asmáticos;
  • Doentes renais;
  • Fumantes, que têm o pulmão mais prejudicado por causa do cigarro.

É essencial que quem cuida ou convive com pessoas do grupo de risco para contágio do coronavírus, siga todas as orientações citadas anteriormente em relação aos cuidados.

Cuidados redobrados

Todas as pessoas com comorbidades, ou seja, com doenças preexistentes, como hipertensão, diabetes e problemas cardíacos, tem que adotar cuidados extra para evitar a infeção pela covid-19.

Além de lavar as mãos com mais frequência com água e sabão, elas devem evitar tocar o rosto, aglomerações, contato próximo e confinamento por mais de 15 minutos com outras pessoas, que devem estar distantes cerca de 2 metros.

Quais cuidados tomar para evitar o Coronavírus?

Algumas atitudes adotadas no dia a dia, reduzem o contágio pelo coronavírus. O Ministério da Saúde recomendou algumas ações:

  • Ficar em casa, em isolamento domiciliar, e evitar ao máximo sair de casa;
  • Se sair, ao voltar em casa, não toque em nada antes de se higienizar. Tire os sapatos e as roupas e as coloque em uma sacola plástica no cesto de roupas. Deixe seus pertences em uma caixa na entrada. Tome banho e posteriormente limpe seus pertences e as sacolas que trouxe da rua utilizando álcool gel ou água e sabão com pano úmido;
  • Cobrir a boca e nariz ao tossir ou espirrar;
  • Utilizar lenço descartável para higiene nasal;
  • Não tocar mucosas de olhos, nariz e boca;
  • Não compartilhar objetos de uso pessoal (talheres e roupas, por exemplo);
  • Limpar regularmente o ambiente e mantê-lo ventilado;
  • Lavar as mãos por no mínimo 20 segundos com água e sabão, adicionalmente pode usar antisséptico de mãos à base de álcool em seguida;
  • Pessoas infectadas, com sintomas brandos, também não devem ter contato social com outras pessoas, e não devem frequentar locais públicos (necessário ficar em total isolamento domiciliar);
  • Quem realmente tiver que se deslocar em locais com circulação de pessoas, deve garantir distanciamento de pelo menos 2 metros de qualquer pessoa, sem nenhum contato com outras pessoas, e tomar muito cuidado na circulação em mercados de animais e seus produtos.

Além disso, o Ministério da Saúde também vai liberar um sistema de telemedicina para responder dúvidas e dar orientações à população sobre o Coronavírus, evitando a ida das pessoas aos centros de saúde.

Receba as melhores ofertas para sua receita de manipulados!

Mais artigos

Alimentos que estimulam a libido

Existem alguns alimentos que são conceituados “afrodisíacos” por serem capazes de estimular a libido através do aroma, sabor e provocando reações hormonais no corpo, favorecendo as sensações de prazer.

Roberta Saraiva Giroto Patrício

Como os alimentos auxiliam no aumento do libido feminina e masculina

Saiba como aumentar a libido feminina e masculina usando alimentos naturais, e com fonte vitaminas que auxiliam a ter uma vida mais ativa.

Roberta Saraiva Giroto Patrício

Maca peruana: como aumenta a libido

Vanessa Luisa P.P Sollitari

Envie sua receita de manipulados!
Encontramos os melhores preços para você!