Exercício físico ou dieta? Qual a eficácia dos dois juntos para o emagrecimento.

home | artigos | exercicios-fisicos-ou-dieta

June 29, 2021
Imagem Blog

Exercício físico ou dieta? Qual a eficácia dos dois juntos para o emagrecimento

Quando falamos em emagrecimento prontamente nos vem em mente duas palavras: exercício físico e dieta. Mas antes de falar sobre eles é importante entender dois pontos.


1. Um não anula o outro.

2. E um não compensa o outro.


Tendo isso esclarecido, vamos falar sobre eles e qual o impacto que exercem no processo de emagrecimento.


O termo “engordar” de forma objetiva significa: aumentar o percentual (%) de gordura corporal. Esse acumulo excessivo de gordura corporal é caracterizado por uma ingestão energética aumentada por longos períodos em relação ao gasto energético, isto é, o indivíduo consome mais calorias do que gasta, caracterizando assim um superavit calórico. No entanto, o ganho excessivo de gordura corporal resulta de uma interação complexa de influências genéticas, ambientais, metabólicas, fisiológicas, comportamentais e sociais.


No que diz respeito a dieta, ela é o fator determinante quando pensamos no processo de emagrecimento. A perda de peso ocorre sempre que o gasto energético ultrapassa a ingestão dessas calorias independe da distribuição de macronutrientes dessa dieta, gerando o que chamamos de: déficit calórico. A conduta nutricional nesse sentido tem como objetivo reduzir as calorias diárias consumidas, em comparação ao gasto energético. Independe da estratégia nutricional utilizada o que gera o emagrecimento de fato é o déficit calórico.


No entanto, vale ressaltar que o processo de emagrecimento é multifatorial e leva em consideração diversos aspectos, tais como: a mudança no estilo de vida, mudança de comportamento, fatores genéticos, emocionais, ambientais, perfil hormonal favorável e a prática de atividade física. Todos eles desempenham papel importante para um emagrecimento efetivo e a longo prazo.


A combinação de atividade física e déficit calórico por meio da dieta, favorece uma flexibilidade maior para atingir um desequilíbrio calórico negativo do que apenas o exercício físico ou apenas a dieta e oferece diversos benefícios, dentre eles:

  • Aumenta o déficit energético total;
  • Facilita a mobilização e a oxidação de gordura;
  • Aumenta a perda relativa de gordura corporal por preservar a massa corporal sem gordura;
  • Rebate a queda no metabolismo de repouso podendo conservar e até mesmo aumentar a massa corporal sem gordura;
  • Demanda menor dependência da restrição calórica para criar o déficit calórico;
  • Contribui para a manutenção a longo prazo do emagrecimento;
  • Proporciona benefícios significativos na saúde no geral.

Sendo assim, associar uma dieta planejada individualmente e respeitando as necessidades, os objetivos e adesão do paciente à prática de atividade física, pode sim otimizar o emagrecimento e além dos resultados esperados beneficiar esse indivíduo com mais saúde e qualidade de vida.

Receba as melhores ofertas para sua receita de manipulados!

Mais artigos

Alimentos antioxídantes para se manter saudável

Os alimentos antioxidantes são substâncias que desempenham funções importantes no nosso organismo como a função de atuar neutralizando a ação dos radicais livres no organismo. Por isso, trouxemos algumas dicas de quais são esses alimentos e porque alimentos antioxidantes fazem bem para o organismo.

Mariana Cristina Micheleto da Silva

Dicas de receitas saudáveis para o inverno

Mariana Cristina Micheleto da Silva

Dicas para continuar com uma alimentação balanceada no inverno

Mariana Cristina Micheleto da Silva

Envie sua receita de manipulados!
Encontramos os melhores preços para você!